Siga-nos por e-mail

quarta-feira, 27 de junho de 2012

Maus Tratos no Faial da Terra


Maus tratos a animais
Foi comunicado à Sociedade Micaelense Protetora dos Animais que na freguesia do Faial da Terra (concelho da Povoação) foi barbaramente esfaqueado um animal da raça asinina.
Pertence a José Rodrigues Carroça e o agressor do infeliz quadrúpede tem o nome de Joaquim São Pedro, nome que está em perfeita antítese com as ações que pratica.
Presenciaram o ato indigno duas testemunhas: Amílcar Fernandes Caixa e José Mauça. O pobre jumento, que seguia da Povoação para o Faial da Terra, ficou em estado de não poder trabalhar.
Consta que o mesmo São Pedro tem praticado já por vezes façanhas idênticas, pelo que merece severo corretivo, além de uma indemnização ao dono do animal, que está sendo muito prejudicado com a doença deste.
҉
A propósito:
Vemos com prazer que não tem sido infrutífera a nossa campanha em prol dos nossos irmãos inferiores, segundo a simpática e feliz expressão de São Francisco de Assis. Já nas freguesias rurais os respetivos regedores tomam conhecimento dos maus tratos aos animais, buscando reprimir e castigar a selvajaria indígena. Honra lhes seja!
No intuito de os auxiliar nesta generosa cruzada oficiamos nesta data, em nome da benemérita Sociedade a que temos a honra de presidir, ao nosso ilustre amigo e colaborador sr. Luís Leitão, pedindo-lhe que, como primeiro elemento de propaganda, remeta aos regedores das freguesias desta ilha a sua excelente publicação “Revista do Bem, gratuitamente distribuída.
(A Folha, nº 628, 28 de Fevereiro de 1915)

Sem comentários:

Enviar um comentário